Copa do Mundo 2014 – Balneário corre para receber seleção

Com a Copa do Mundo no Brasil em 2014, muitas cidades que não tiveram arenas selecionadas para receber jogos da maior competição de futebol do mundo lutam agora para ter a visibilidade internacional de servir como Centro de Treinamento de Seleções (CTS). E neste grupo, Balneário Camboriú também está cadastrado. Agora precisa apenas se readequar. Um bom hotel e dentro dos requisitos da Fifa já foi escolhido, é o Infinity Blue, na Estrada da Rainha. O que falta é a construção de um CTS.

O espaço que poderá ser transformado em Centro de Treinamento de Seleções é o Campo de Futebol do Bairro dos Municípios, um terreno que pertence a prefeitura.


O diretor administrativo da Fundação Municipal de Esportes de Balneário Camboriú (FME-BC), André Meirinho, afirma que “pela força da cidade, em parceria com a Federação Catarinense de Futebol (FCF) e recursos do estado”, este Centro de Treinamento pode sim ser construído em breve.

A ideia de melhorar a estrutura do campo do Bairro dos Municípios não veio apenas com a possibilidade dele servir como CTS para a Copa. A prefeitura e a FCF já tinham essa vontade, mas com o cadastramento da cidade, junto com o Infinity Blue – Recanto das Águas – Resort, Spa e Eventos, para receber uma seleção internacional, esta melhoria se tornou ainda mais necessária.


“A gente espera que o governo do estado já faça um aporte para a gente. O projeto mesmo está sendo estruturado pela Compur, mas o presidente da FCF, Delfim de Pádua Peixoto, está ajudando na busca destes recursos. Acreditamos que em breve teremos uma resposta do governo”, relata Meirinho.

Segundo informações publicadas no portal da Copa do Mundo - Brasil 2014 (www.copa2014.gov.br), no primeiro semestre de 2012, a FIFA pretende lançar um catálogo com, no mínimo, 64 opções de cidades, podendo chegar até mesmo a 90. É claro que o papel da FIFA na escolha dos Centros de Treinamento de Seleções é apenas sugerir as cidades que estejam dentro dos parâmetros para receber os jogadores. A decisão da cidade escolhida é inteiramente de responsabilidade das próprias comissões técnicas das seleções.


Agora, a prefeitura, com o apoio da FCF, trabalha em um projeto para apresentar ao governo do estado, com o intuito de buscar recursos com o Fundo Estadual de Incentivo ao Esporte (Fundesporte) para a construção do CTS.

Além de servir como CTS na Copa do Mundo de 2014, a prefeitura também quer construir a estrutura para receber outros eventos e aumentar a visibilidade de Balneário Camboriú com a ajuda do esporte:


“A gente espera com isso depois receber uma pré-temporada, clubes grandes e até jogos do Catarinense”, ressalta Meirinho.

 Em reunião entre o prefeito Edson Piriquito, o presidente da FCF, o vice-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) da região Sul, Fábio Nogueira, o diretor administrativo da FME-BC, o engenheiro da Companhia de Desenvolvimento e Urbanização (COMPUR), Giovane Constante e o diretor técnico da FME-BC, Agenor Luiz de Mello, na segunda-feira (17), o presidente da FCF disse que para servir de CTS para a Copa, a reestruturação do campo já precisaria acontecer. O engenheiro Constante apresentou um pré-projeto da obra e destacou que agora a Compur já sabe que a construção do CTS naquele local é possível.


O que é preciso para receber uma seleção como CTS

Fonte: www.copa2014.gov.br


Acomodações Os hotéis devem ter um mínimo de 55 quartos com ar-condicionado ou aquecedor (considerando o clima na região nos meses de junho e julho). Algumas seleções podem precisar de 100 quartos ou mais.

Pousos e decolagens A cidade deve ser próxima a um aeroporto com capacidade para receber aeronaves de aproximadamente 120 passageiros e que permita vôos noturnos. As seleções exigem uma distância máxima de até 60 minutos de deslocamento Hotel-Aeroporto, via ônibus.

Medidas oficiais O centro de treinamento deve ter, pelo menos, um campo em excelentes condições e medidas oficiais, além de SPA, piscina e área fitness. O tempo de deslocamento hotel-centro de treinamento, em ônibus, deve ser de, no máximo, 20 minutos.


Fonte: Portal Menina de Comunicação - http://www.portalmenina.com/destaques/copa-do-mundo-2014-balneario-corre-para-receber-selecao/7208

Publicado em 26/06/2011

© 2020 por André Meirinho. Criado por MZCom