top of page

André Meirinho conclui doutorado em Planejamento Territorial

Nesta sexta-feira (10/02), André Furlan Meirinho, foi aprovado na banca de defesa no Doutorado em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Socioambiental da Universidade do Estado do Santa Catarina (Udesc), com a tese intitulada “O Patrocínio de Naming Rights na Administração Pública: perspectivas e diretrizes para o Brasil”.



De acordo com o Banco de Teses e Dissertações da CAPES, não havia tese de doutorado sobre naming rights, tornando-se a primeira no Brasil sobre o tema, que apresenta possibilidades da administração pública ter novas receitas, diminuir despesas, buscando melhores serviços ou instalações públicas, sem gerar custos para o cidadão.


O patrocínio de naming rights (direito à denominação), refere-se ao vínculo de uma marca ao nome de um espaço ou evento, que é comum na área privada, principalmente na área esportiva, como Allianz Parque, ou Copa Intelbras do Brasil, também é utilizado na área pública como a Estação de metrô Botafogo/Coca-Cola e Jeunesse Arena no Rio de Janeiro. E pode se aplicado ao nome de ginásios, teatro, parques, bem como eventos como Carnaval, Réveillon e Natal, entre outros.

“É uma grande satisfação poder defender uma tese com possibilidades de ser aplicada por todo o Brasil, em um tema que globalmente já é bem conhecido, mas ainda está iniciando no nosso país. Em especial trazer contribuições para a cidade que atuo diretamente como vereador, Balneário Camboriú, onde, enquanto Secretário da Fazenda, fui autor da iniciativa da primeira Lei no Brasil regulamentando o tema de forma geral, que já foi replicada em Blumenau, Itapoá, Guarulhos e Londrina”.

Para elaboração da tese, a pesquisa envolveu benchmarking com casos do Canadá, levantamento de Leis dos municípios e estados brasileiros e entrevistas com gestores públicos nos Estados de Santa Catarina, Rio de Janeiro e São Paulo.

“Agradeço a Deus e a minha família, que sempre reconheceram a importância do doutorado e me incentivaram a permanecer perseverante, aos meus orientadores, membros da banca, colegas de doutorado e de trabalho e a cada um que, de forma direta ou indireta, trouxe contribuições, bem como a todos os catarinenses que mantêm a Fundação Universidade do Estado de Santa Catarina”.

Agora serão encaminhados os trâmites finais, conforme sugestões da banca, para posteriormente a publicação ficar disponível para o acesso de todos e ser gerado o diploma de Doutor em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Socioambiental.



Mais detalhes no resumo da tese abaixo:



RESUMO


A sociedade possui demandas frequentes e crescentes para utilização de recursos públicos, os quais são escassos. O patrocínio de naming rights, também conhecido no Brasil como direito à denominação, é habitual no setor privado, principalmente na área esportiva, como o Allianz Parque e Neo Química Arena (São Paulo). Na Administração Pública, pode ser utilizado de diversas formas, dentre elas como instrumento de receita, diminuição de despesas, ou, ainda, buscando melhores serviços e/ou instalações públicas como Jeunesse Arena e Estação do Metrô Botafogo/Coca-Cola (Rio de Janeiro). A metodologia se caracteriza por ser um estudo multicaso, com revisão sistemática de naming rights, público e lugar, com coleta de dados por fontes documentais, bibliográficas e primárias. Com objetivo geral de analisar iniciativas/experiências de patrocínio de naming rights na administração pública e propor diretrizes para a sua implementação no Brasil, busca-se conceitos para aplicação do patrocínio de naming rights na administração pública, em bens públicos (como espaços, eventos e equipes), de diversas áreas (como esporte, meio ambiente, turismo, mobilidade urbana, cultura e assistencial social), sua relação com a sociedade e iniciativa privada e com conceitos de lugar (place), marketing, branding, gestão de marca, imagem, identidade competitiva, potencial de receitas e contribuições, avanços e resistências no Brasil e exterior. São identificados casos de benchmarking no exterior, analisando principalmente a experiência de municípios do Canadá, estrutura atual e normas que incentivam a prática de patrocínio e naming rights e protegem a integridade e reputação das cidades. Investiga-se o panorama de normas, como Leis e Decretos, políticas de  patrocínio, de cessão onerosa do direito à denominação (naming rights) e publicidade em entes públicos federados no Brasil, bem como casos de referências práticas na administração pública, de forma direta ou via concessões e parcerias público-privadas (PPPs), em especial nos municípios de Balneário Camboriú, Blumenau, Rio de Janeiro e São Paulo, bem como com os governos dos estados de Santa Catarina, Rio de Janeiro e São Paulo, por meio de entrevistas semiestruturadas. Os resultados apontam potenciais benefícios para administração pública, sociedade e iniciativa privada; desafios e atitudes necessárias para consolidar o patrocínio de naming rights na administração pública como: desconhecimento do potencial de receitas, capacitação e assessoria para identificação e precificação de ativos, escassez de literatura, importância da regulamentação e segurança jurídica, captação de empresas e atração de investimentos, questões culturais; bem como diretrizes e perspectivas para avanços para o cenário do Brasil como: visão da sociedade, tipos de bens, áreas, prazos, vedações, place branding, treinamento, governança, parcerias com órgãos estatais e privados, nacionais e internacionais, para assessoria e benchmarking no setor público. A tese possui contribuições de pesquisa para acadêmicos, gestores públicos, iniciativa privada e áreas do conhecimento como planejamento urbano e regional, que está ligado ao Programa de Pós-Graduação em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Socioambiental (PPGPLAN), e outras como administração, administração pública, marketing, direito, comunicação social – publicidade e propaganda, economia e relações internacionais.

3 comentários

3 Comments


André, foi um prazer enorme trabalhar contigo. Como eu sempre te disse, um orientando que caminha sozinho. Parabéns pelo término e te desejo muito sucesso nas empreitadas da vida! Nós da Udesc só temos orgulho de ter participado desta carreira brilhante. Grande abraço.

Like

Simone Eyng
Simone Eyng
Feb 10, 2023

Parabéns André Meirinho! Doutorado perfeito para a excelência nas propostas de projetos eficientes. Com certeza tu és referência aqui no Brasil. Que maravilha testemunhar tuas grandes conquistas, fruto de muito estudo, pesquisa e determinação, que agora multiplica em benefício da nossa sociedade.

Like

Juçara Fourteau
Juçara Fourteau
Feb 10, 2023

Parabéns pela conquista, uma vitória, uma nova consciência pra vc é pra BC! Parabéns!!🎊🎉

Like
bottom of page